CEO Talks @ComputerWorld


Muito mais que “paperless” a nossa visão de gestão documental e de automatização de processos de negócio em geral, assenta na evolução para soluções “touchless”.

Carlos Latourrette, CEO da Latourrette Consulting, conversou com a Computerworld Portugal acerca de soluções Touchless e Robotic Process Automation - Automação Robótica do Processo (RPA).

Leia abaixo a entrevista completa. 


A consultora de gestão documental realiza já mais de 50% do seu volume de negócios no estrangeiro. E reforçou a aposta na oferta Bizdocs em parceria com a Sage.

 


Carlos Latourrette. CEO da Latourrette Consulting

O volume de negócios deverá crescer mais de 100%, desde 2014, quando o seu exercício fiscal terminar no final de 2017, atingindo acima de um milhão de euros. Mais de 50% da facturação será realizada em mercados estrangeiros revela o CEO da empresa Carlos Latourrette, numa entrevista para o Computerworld. A estrutura do volume de negócios alterou-se de forma significativa, tendo em conta que em 2015 o negócio era pouco relevante.


Poderá, em 2018, alterar-se ainda mais se o negócio em torno da oferta de gestão documental para PME, Bizdocs ganhar ainda mais impulso, fruto da parceria com a Sage. Desde 2015, pelo menos, que a consultora procura fazer vingar o produto, entretanto nomeado para os Document Manager Awards 2017, na categoria de produto do ano para tratamento de facturas em dívida(“Accounts Payable/Invoicing Product of the Year”).

Computerworld ‒ Quanto do vosso negócio é proveniente de mercados internacionais?

Carlos Latourrette ‒ O negócio da Latourrette Consulting é hoje mais de 50% internacional com a actividade “core” de implementação de soluções à medida.
A Latourrette Consulting tem, ainda, como actividade a implementação de soluções de transformação digital utilizando tecnologias Kofax e Microsoft.


CW ‒ Que estratégia está a empresa a seguir actualmente e com que prioridades?

CL ‒ Vamos reforçar a presença no Brasil e na Colômbia. Globalmente vamos crescer verticalmente em grandes contas no mercado financeiro, segurador, retalho, transportes, com projectos à medida e horizontalmente através de rede de parceiros. Américas, Europa, Médio Oriente e África (EMEA, sigla em inglês) são o foco actual.


CW ‒ Quanto representa só a venda de Bizdocs?

CL ‒ O Bizdocs está na fase de construção de canais de distribuição e de adaptação aos mercados internacionais. Actualmente as vendas são residuais comparadas com a actividade de consultoria de implementação de projectos. Este cenário vai alterar-se substancialmente em 2018, prevendo-se uma inversão na proporção de cada actividade no volume de negócios, e com aumento de facturação na consultoria.


CW ‒ Quanto deverá facturar a empresa em 2017?

CL ‒ Mais de um milhão de euros.


CW ‒ Quais são as vossas prioridades actuais de evolução tecnológica?

CL ‒ As prioridades actuais centram-se na integração “seamless” de tecnologias de mobilidade, gestão inteligente de conteúdos, com captação automática e inteligente de informação, agilização de processos de negócio com tecnologias de BPM, analítica para medir a performance dos negócios e dos processos, recursos de Robotic Process Automation (RPA), aprendizagem automática e inteligência artificial no sentido de automatizarmos tarefas humanas. Dessa forma queremos implementar e entregar soluções de “Toucheless Computing” [com o mínimo de intervenção humana n.d.r.] aos nossos clientes em todo o mundo e de todas as dimensões, desde as grandes empresas, com soluções à medida, até às mais pequenas com Bizdocs.


CW ‒ Quantas pessoas contrataram em 2017 e querem contratar até final do ano?

CL ‒ Até ao final do ano vamos ter um aumento líquido de cerca de 10 pessoas em 2017, incluindo para o Brasil, Colômbia e Holanda.


CW ‒ Quais são hoje as vossas prioridades na estratégia de parceria?

CL ‒ A Kofax é e vai continuar a ser o nosso parceiro “core”, de seguida temos a Microsoft com Office 365 e Azure, os nossos parceiros de hardware, como a Xerox, Visioneer e Avision e a HP. Recentemente criamos uma forte parceria com a Sage baseada num acordo de parceria global usando o Bizdocs para o mundo todo: em 2018 contamos aceder a uma rede de 600 parceiros do fabricante. Estamos ainda a desenvolver parcerias locais com produtores de software de contabilidade no Brasil e noutros países.


CW ‒ Que evolução nota rumo a uma gestão documental sem intervenção humana, além de prescindir de papel [“paperless”], como preconiza a Latourrette Consulting?

CL ‒ Muito mais que “paperless” a nossa visão de gestão documental e de automatização de processos de negócio em geral, assenta na evolução para soluções “touchless”. “Touchless Computing”, significa que os processos assistidos por tecnologias tenham o mínimo de intervenção humana possível. Se quisermos chamar este conceito pelo chavão actual estamos a falar de robotização dos processos de negócio.



Encontre aqui a versão original here.

 

OUTROS ARTIGOS DE TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
 
  Anterior:
Gerenciamento de Processos de Negócio (BPM)
Segue:
Colaboração em Nuvem
   

Encontre mais informações sobre a Latourrette Consulting aqui.

Latourrette Consulting é um Parceiro Certificado Kofax | Microsoft | Visioneer | AIIM em Portugal/EUA/Brasil/Colômbia/Espanha/Holanda. Contate-nos para mais informações.